Auto-Help-Me-Self-Now
   
 
 

  Histórico
 15/02/2009 a 21/02/2009
 19/11/2006 a 25/11/2006
 29/10/2006 a 04/11/2006
 26/02/2006 a 04/03/2006
 22/01/2006 a 28/01/2006
 15/01/2006 a 21/01/2006
 01/01/2006 a 07/01/2006
 18/12/2005 a 24/12/2005
 11/12/2005 a 17/12/2005

Votação
 Dê uma nota para meu blog

Outros sites
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis




 

 
 

Gasolina é um troço caro, e pior que meu carro não anda sem isso. Descobri isso hoje! Estava voltando pela Avenida Brasil, sabia que já tava na reserva (mas isso é bem comum para mim), mas a reserva já não tinha nem bafo de gasolina, e eu taurino teimoso, sismei que tinha q chegar. Quando estava chegando na altura da Penha, na faixa ao lado da seletiva, "pluft!", o carro morreu morridim da silva! Soltei ele na banguela, cruzei as pistas centrais, consegui na maior sorte sair numa agulha, cruzar a pista lateral toda e ainda parar na porta da "Casa do Marinheiro", um clube da marinha (tudo isso na banguela com carro morto). Empurrei o carro p cima da calçada (imaginem fazer uma parati subir meio fio sozinho, acho q posso ser dito como forte, rsss). Daí pensei, só pegar minha carteira, ir num posto e comprar a maldita gasolina. Mas minha carteira ficou na casa da Regina! Então, é só ligar para ela e explicar situação. Mas isso não rola se seu celular estiver sem bateria (descobri que meu celular tmb n funciona sem bateria). E aí? Fui no clube da marinha. Na portaria havia um telefone, até sorri. "Posso usar p fazer uma ligação a cobrar, meu carro enguiçou ali agora". O marinheiro de 4,50m de altura diz "só recebe ligação". Minha feição facial morreu na hora. Ele: "mas eu te empresto meu celular". Minha feição facial ressuscitou. Liguei, a mãe dela me atendeu, já sabiam da carteira esquecida (faço isso sempre), e disse: "socorro, tô enguiçado, sem gasolina, na porta do Clube do Marinheiro, tô sem gasolina". Ela me avisou que Eduardo e Regina viriam me salvar. Enquanto isso o cara da portaria insistiu tanto para eu ir beber água lá dentro que eu fui. Os marinheiros e suas familias estavam tudo lá tomando banho de piscina e comendo churrasco. Eu sujo de graxa, todo suado, faminto (sem café da manhã até 14hs). E o bebedouro era na piscina, eu tive que entrar e passar no meio de geral, foi pior que enguiçar. Mas mesmo vestido de mendigo eu sei fazer cara de "tá olhando o q?" Bebi água, voltei e fiquei beirando a Av Brasil, depois de uns 45 minutos eles chegam com a gasolina. Basta colocar gasolina e andar? Claro que não! A Gasolina custou a chegar no carburador, tivemos que abrir e chogar as gotinhas q restaram na garrafa p pegar. Daí depois de virar a chave umas 495 vezes, pegou! Parei no posto, coloquei R$20,00 (tudo que eu tinha, e achei até muito). Bom, moral da história, aprendi que devo pesquisar mais sobre o carro a hidrogênio....

Escrito por Marcelo às 19h40
[] [envie esta mensagem
]


 

 
[ ver mensagens anteriores ]